V Encontro de profissões jurídicas fala sobre a carreira policial

O curso de Direito do UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade  Americana, realizou em 8 de abril o V Encontro de Profissões Jurídicas. O evento, realizado periodicamente, visa propiciar aos alunos contato com profissionais de diversas áreas do direito, além de outros profissionais da área jurídica ou não.

No V Encontro foi abordada a carreira policial, contando com a participação de experientes e competentes profissionais da Polícia Civil e Polícia Militar Estadual, que socializaram significativas experiências, alegrias e dificuldades desta tão importante carreira para o Direito.

O diretor da unidade, Homero Tadeu Colinas, abriu o evento com as boas-vindas aos convidados e lembrou a importância desse eventos para a carreiras: “É importante vincular esses momentos com os nossos projeto de vida; são essas oportunidades que nos ajudam a esclarecer o caminho que escolhemos seguir” – comenta.

Thiago Nalesso, coordenador do curso de Direito, apresentou a atividade aos ingressantes: “O papel do encontro é trazer para o debate acadêmico um pouco da vivência das profissões jurídicas e, por meio das experiências dos convidados, mostrar o quão vasto é o Direito”, esclarece.

O primeiro convidado, Dr. Hugo Araújo dos Santos, capitão da Polícia Militar, apresentou um vídeo institucional da Polícia Militar e esclareceu sobre a profissão, que é pouco lembrada pelos alunos na carreira jurídica. Na sequência, Dr. Diego Bini, delegado de polícia, enfatizou as boas experiências vividas na profissão e de como é gratificante comunicar a solução de um caso às famílias que foram envolvidas em alguma ocorrência.

Para finalizar, Dr. Roberto Daher, delegado seccional de polícia, abordou de forma bem descontraída a origem da polícia desde os primórdios da história até o modelo de hoje.

Comunicação e Marketing – UNISAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.