UNISAL promove 14ª Semana de Estudos Jurídicos em Americana

De 18 a 22 de maio, professores, magistrados, procuradores, delegados, advogados e estudantes de Direito estarão reunidos na 14ª SEJ – Semana de Estudos Jurídicos do UNISAL – Centro Universitário de São Paulo, Unidade Americana, que acontecerá no Campus Maria Auxiliadora, para discutir diferentes temas da área de Direito.

O evento tem o objetivo de apresentar temas de importância acadêmica e atualizar os alunos sobre as novas tendências do mercado de trabalho, além de promover um intercâmbio de informações entre estudantes e profissionais.

Para o coordenador do Curso de Direito, Thiago Nalesso, o evento é uma oportunidade de partilhar experiências, que não são apenas acadêmicas. “Serão dez palestras durante a semana proferidas por profissionais com vasta experiência no campo jurídico brasileiro, entre eles estão confirmados professores e autores de importantes obras jurídicas, assim como profissionais que atuam em diversas áreas práticas do Direito”, esclarece Thiago.

Em 18/05, o tema “Princípios Constitucionais Penais e Processuais” será abordado por um dos maiores expoentes do Direito penal brasileiro, Dr. Guilherme de Souza Nucci, Desembargador no Tribunal de Justiça de São Paulo e Professor da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo .

Em 20/05, entrará em debate o tema: “Ainda vale a pena fazer Direito?”, com o Dr. Raimundo Simão de Melo, Advogado, Consultor Jurídico e Procurador Regional do Trabalho aposentado.  

O evento é aberto ao público e com entrada gratuita, limitada à lotação do espaço.

A programação completa está disponível no site: unisal.br/eventos/sej

Serviço:
14ª SEJ – Semana de Estudos Jurídicos do UNISAL
UNISAL Americana, Campus Maria Auxiliadora
Data: 18 a 22 de maio de 2015
Horário: Palestras às 8h30 e às 19h30
Local: Av. de Cillo, 3500 – Pq. Universitário

Comunicação e Marketing – UNISAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.